Ravintsara: A Árvore Medicinal

O aroma balsâmico que emana de suas folhas lembra o Eucalipto, no entanto, sua fragrância não é tão penetrante, levemente adocicada e aquecedora.

 

Entre os tesouros aromáticos oferecidos pela Natureza, há uma pérola com inúmeros benefícios: a Ravintsara (Cinnamonum camphora). Conhecida pelo nome de “folha bonita” na medicina tradicional malagasy e elogiada como o “óleo que cura”, serve hoje para responder a uma ampla demanda no tratamento de diversos problemas psico-fisiológicos.

Cinnamonum camphora pertence à família Lauraceae e é o nome da árvore comumente conhecida como Cânfora. A maioria dos diferentes quimiotipos (borneona, linalool, safrol, etc.) dessa árvore são encontrados em países do leste asiático. A Ravintsara é do tipo 1,8 Cineol (eucaliptol), específico de Madagascar. Cresce até uma altura de 30 metros nas florestas tropicais úmidas e terras altas selvagens de um paraíso quase intocado.

Obtido a partir das fortes folhas por destilação a vapor, o óleo essencial de Ravintsara está entre os que podemos chamar de óleos ”Panaceia” (cura-todos). Não deve ser confundido com o óleo essencial de Ravensara, derivado da espécie Ravensara aromatica, que possui uma composição química totalmente diferente.

O aroma balsâmico que emana das folhas nos lembra a fragrância fresca dos Eucaliptos, ou mesmo do Alecrim qt. Cineol proveniente do Norte da África. No entanto, sua fragrância não é tão penetrante e transmite uma impressão levemente doce e quente.

Múltiplas propriedades curativas

Como um poderoso estimulante, o óleo essencial de Ravintsara relaxa rapidamente os músculos doloridos e os tendões. No entanto, é principalmente valorizado pelas suas propriedades anti-virais, anti-bacterianas, anti-fúngicas e anti-sépticas.

Também pode auxiliar em casos de problemas hepáticos como hepatite viral e gastroenterite viral. Desempenha um papel importante no tratamento de mononucleose, cólera e outros desafios do sistema imunológico ou linfático. É uma boa escolha para combater herpes labial, herpes genital ou alergias crônicas. Também é recomendado contra herpes zoster, verrugas, micose e pé de atleta.

Expire – inspire

Com seus potentes compostos bioquímicos, está entre os melhores óleos para a parte respiratória, auxiliando de maneira suave em caso de infecções pulmonares, coqueluche, gripe, sinusite, amigdalite, otite e rinofaringite. Misturado com Manteiga de Karité (por exemplo) ou com seu óleo carreador preferido, pode ser aplicado na região peitoral em caso de congestão brônquica. Esta mistura também pode servir para uma compressa quente em caso de dor de garganta. O óleo é bem tolerado pela pele, não causando sensibilidade. No entanto, para utilizar em crianças pequenas, recomenda-se diluí-lo em um óleo carreador.

Do ponto de vista Ayurvédico, a Ravintsara pode ser considerada seca e leve na Natureza. É portanto, ótimo para reduzir o congestionamento do tipo Kapha, especialmente na Primavera. Ao acumular Ojas – a energia sutil que alimenta nosso corpo com fogo e vitalidade internos – contribui em grande parte para nossa saúde e bem-estar.

 

Plantação de Ravintsara em Madagascar.

 

Uma Árvore Medicinal para Reiniciar

A Ravintsara tem a notável capacidade de tonificar e ao mesmo tempo relaxar o sistema nervoso humano. É particularmente benéfico em casos de:

  • Astenia e Letargia
  • Depressão leve, Ansiedade ou Fadiga Nervosa
  • Inquietação, Insônia e Esgotamento

Todos esses problemas são geralmente causados ​​por um sistema nervoso exausto. Para bebês e crianças, em caso de problemas de estresse e sono, deve ser usado diluído em um óleo carreador para uma massagem no plexo solar ou sob os pés.

O óleo essencial de Ravintsara pode limpar as emoções dolorosas do nosso coração e liberar traumas, que podem impedir o livre fluxo de energia em nossa respiração. Ajuda a liberar as tensões e induz a sentimentos positivos de esperança e alegria. Possui um frescor muito agradável e revigorante que faz com que possamos nos desapegar profundamente das fixações mentais e, assim, elevar nosso espírito. Agitando energias bloqueadas, estimula a mente para um tratamento mais positivo das emoções paralisantes.

Sim, Ravintsara é verdadeiramente “O Óleo que Cura”, a “Árvore Medicinal”, como é sempre considerada em Madagascar.

Para com

 

Onde Comprar o Óleo Essencial de Ravintsara:

Você encontra este e outros óleos acessando este link: oshadhi.com.br/loja. Gostou do artigo? Compartilhe com a gente a sua opinião, comente, pergunte, inspire-se.

One thought on “Ravintsara: A Árvore Medicinal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *